Tardelli recua sobre permanência na China e anima clubes brasileiros

Atlético-MG, Santos e Corinthians estariam no páreo
30/01/2019 às 9:49

Diego Tardelli já aceita deixar a China. Depois de o contrato com o Shandong Luneng chegar ao fim, o jogador -que pensava em ficar mais dois anos no país asiático- não descarta um possível retorno ao Brasil. Segundo apurou o UOL Esporte, Atlético-MG, Santos e Corinthians estão no páreo.

Em entrevista ao site da CBF na última sexta-feira (25), o atacante de 33 anos revelou que reconsidera a manutenção no futebol chinês.

“Olha, como falei, eu e minha família sempre fomos super bem tratados na China e nos adaptamos muito bem. A minha prioridade já foi permanecer por lá, mas nos últimos dias tenho conversado muito com a minha esposa e, talvez, as coisas podem mudar. Estamos tranquilos e a decisão será tomada de forma conjunta”, disse na ocasião.

Embora não cite uma volta ao Brasil como possibilidade na entrevista concedida ao site da entidade, a reportagem consultou ao menos três fontes ligadas ao atleta que confirmam que há chance de retorno ao país. As conversas com a cônjuge Linda Vanessa fazem o atleta cogitar a mudança tão drástica na carreira.

Uma das pessoas procuradas pela reportagem, o agente Bedo Fedato explica a situação: “A procura é muito forte na China e, agora, está começando a abrir [outras possibilidades] também. Como não tinha acabado o contrato ainda, quando anunciou o fim do vínculo, na semana passada, começou a aparecer muita coisa de vários lugares”, afirmou.

Outro aspecto que atrapalha o jogador é a nova regulamentação do futebol chinês. A Federação local criou uma espécie de Fair Play Financeiro e reduz a possibilidade de investimentos elevados por parte dos clubes locais. O Guangzhou Evergrande e o Jiangsu Suning demonstraram interesse em ter o antigo camisa 9 do Shandong Luneng. Com informações da Folhapress.





Leia Tambem: