Jovem acusado de crimes em Crato foi assassinado a tiros esta noite

Jerônimo tombou sem vida num matagal em Crato (Foto: Reprodução/ Redes sociais)
05/04/2019 às 8:45

Após mais de um mês sem o registro de homicídios em Crato um jovem foi assassinado a tiros na noite desta quinta-feira naquele município. Por volta das 19h30min o pedreiro Jerônimo Ribeiro Silva, de 23 anos, que residia no Distrito do Lameiro na zona rural daquele município, foi morto a tiros. O crime aconteceu em um matagal no bairro Sertãozinho por trás da Indústria Grendene e foi praticado por dois homens que fugiram numa motocicleta.

A vítima já tinha algumas passagens pela polícia. Em agosto de 2010 ainda era menor de idade quando foi submetido a apuração de ato infracional por contravenção penal juntamente com Joedson Gadelha Carlos. Já em maio de 2017 contra Jerônimo foi feito um TCO por lesão corporal leve vitimando Cícero Diego dos Santos Félix. Este ano, no dia 6 de janeiro, foi preso em flagrante por assalto e, em fevereiro, passou a responder Inquérito por violência doméstica contra Maria Rosyany do Nascimento.

Este foi o primeiro homicídio do mês de abril em Crato e o quinto do ano no município já que tivemos um em janeiro, três em fevereiro e zerou no mês passado. O último deste ano tinha acontecido no dia 28 de fevereiro, no centro da cidade, quando a jovem Geane Tavares de Sousa, de 29 anos, foi morta a tiros pelo seu ex-companheiro Paulo Roberto Carlos Ramalho, de 34 anos, que praticou o suicídio com a mesma arma de fogo.


Miséria.





Leia Tambem: